Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tão de repente

De repente, tão de repente naquele momento a felicidade
tomava conta do meu ser, sim estava amando, amando muito
e isso enchia minha alma tão sofrida, tão martirizada pelas circunstâncias dessa vida de uma satisfação tão intensa que
chega a doer.

De repente também veio até mim a notícia jogada de forma
tão vil, tão bruta, sem emoção qoe o meu o meu homem
amado padecia de doença tão terrível.

Minha primeira reação foi de choque não pelo meu amado,
mas por pessoas que trouxeram a notícia de forma tão
impiedosa, sem compaixão, parecendo que se divertiam
com meu sofrimento e choque.

Mas esse amor me deu forças para superar tudo e aqui mje encontro dizendo a ti que te amo cada dia mais e que mesmo havendo manhãs de sol e outrasde tempestades nada abalará
esse sentimento tão lindo e puro que se plantou em meu coração.

Te amo!
BiblioFigueira
Enviado por BiblioFigueira em 14/12/2005
Código do texto: T85729
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
BiblioFigueira
São Paulo - São Paulo - Brasil, 52 anos
7 textos (265 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 02:47)
BiblioFigueira