Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

IMPOSSÍVEL AMOR - TRIETO BY FADA DAS LETRAS/DENISE SEVERGNINI/DETH HAAK

IMPOSSÍVEL AMOR
Tal como a Lua solitária no escuro céu
Os seu pálidos raios de luz derramando
Também dentro da pedra, aqui estou eu
Os meus tristes olhos sempre chorando

Tal como o Sol brilha e irradia dourada luz
Assim tu és o meu farol que de longe me guia
Tanto é o teu encanto e a arte que me seduz
Que sinto as nossas almas sempre em sintonia

Pode ser, ou não, impossível este nosso amor
Mas sempre sinto no meu coração teu ardor
E sei que acabei com a tua dura e negra solidão...

Por isso meu sol, minha inspiração, minha dor
Apenas contigo estou compartilhando meu amor
Porque para sempre serás a minha única paixão

Fada das Letras



AMOR IMPOSSIVEL

 
Deitei a noite em meus desejos

Mergulhados na escuridão

Sou, mas não vivo sem tua força

Que está além da minha mão

 

Quero ser tua, mas não posso

Há barreira entre nós

O amor é meu algoz

Impossível, quase um remorso

 

Dei-me a ti, simplesmente

Sem pensar no futuro

A impossibilidade me alimenta

Amor impossível me sustenta

 

Tu és meu em alma

Mas de corpo és de outra

Busco a minha calma

Nesta poesia neutra

 

Eu te amo, impossível amor!

 

Denise Severgnini

                                                               

IMPOSSÍVEL  AMOR...
 

Tal qual o grão de areia, o ardor da paixão

Pela estrela. Carpindo na face da espera

Perdido no olhar o céu, alhures ausência

Gotejada como chuva ao irrigar o verão...

 

Qual nau á deriva, levada ao sabor do intento

Nas vagas de um sentir, soprada no próprio

Vento. Casco fazendo água, velas sentimento

Buscando no firmamento, um olhar fulgurado...

 

Como onda a buscar a  lousa, nos braços de mar.

Amando Hélios como Vesta, nos lençóis do luar,

Despida no sonhar. Veracidade crer subjugar.

 

Por isso fiz o amor mais bonito! Analgésico

Guento,  amar o grão a estrela, amar-te

Sorri-me astros!  Bússola impossível amante..

 

Deth Haak

24/12/2005
Fada das Letras
Enviado por Fada das Letras em 26/12/2005
Reeditado em 26/12/2005
Código do texto: T90506

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fada das Letras
Almeirim - Santarém - Portugal, 60 anos
243 textos (32149 leituras)
3 áudios (178 audições)
5 e-livros (288 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 02:10)
Fada das Letras