Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu não posso contar uma alma

Eu te amo.
Embora meu coração me implore.
Toda canção me faz lembrar de ti,
e toda vez que eu vejo um casal feliz
eu queria que ele fosse tu e eu.
Às vezes eu escrevo teu nome
e encaro isto completamente
como eu imagino quão grande
seria nossas vidas juntos ...
mas eu não posso contar uma alma
Eu te amo.
Eu nem mesmo posso te falar.
Eu escrevi um poema sobre você,
tentando expressar a profundidade
de minha frágil emoção,
esperando te fazer entender
a largura da minha devoção,
mas as palavras não eram bastante.
Eu não pude explicar
quão forte é este sentimento por ti.
Eu não pude descrever
a mistura volátil de alegria e dor,
porque eu não posso contar uma alma
Eu te amo.
As vezes eu sinto que a necessidade de te ver
está me consumindo por dentro,
e às vezes quando eu penso em ti
eu tremo ...
meu amor por ti não é fácil esconder.
Eu chamo minha melhor amiga
e explico o quanto eu te amo ...
mas as palavras protelaram em minha língua,
e novamente, eu tenho que fingir...
porque eu não posso contar uma alma
Eu te amo.
Eu me vejo sentada numa praia
e puxo um coração na areia
enquanto eu penso em ti.
Eu imagino a alegria de estar contigo,
de segurar tua mão simplesmente.
Eu quis te achar ...
Eu quis te falar o quanto te amo,
e que eu sempre te amarei.


Daniele Garcia
Enviado por Daniele Garcia em 06/01/2006
Código do texto: T95374
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Daniele Garcia
Niquelândia - Goiás - Brasil
36 textos (4193 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 00:53)
Daniele Garcia