Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

poema

Novamente me jogo a teus braços,
poema vazio,
cheio de frases que não dizem nada
E nem se interessam pelo meu sofrimento vil.

Não poderia ignorar minha natureza,gosto de escrever,desabafar...

Tentar ser menos rebelde do que sou e necessito sernão dá!

Preciso dessa força que vem de dentro e me põe frágil diante dos problemas,preciso me descobrir e me revelar dentro de um poema
SHIRLEY CASTILHO
Enviado por SHIRLEY CASTILHO em 09/01/2006
Reeditado em 05/12/2006
Código do texto: T96365
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
SHIRLEY CASTILHO
Belém - Pará - Brasil
50 textos (4702 leituras)
4 e-livros (1351 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 11:59)
SHIRLEY CASTILHO