Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu e... Você.

Hoje sinto a vida.
Não como ontem, mas como o hoje.
Sinto suavemente, minha vida.
Vivo como se não existisse o amanhâ.
Vivo sem pensar, sem sofrer, sem chorar...

Hoje sou  adolescente,
Sem perder a razão,
Sem perder a juventude dos anos que se passaram.
Hoje quero ser igual a ti, que não tem tempo, não tem hora.
Ter mil faces, mil maneiras de sentir e viver a vida, sem se perder jamais.

Hoje, tento ser igual a ti.
Viver intensamente o momento... Com os pés no chão?
Viver, sem se importar com o tempo,
Como se não existisse o amanhã.
Viver em você, os momentos que estão por vir.

Hoje?  Você.  Que quer  viver.
Que surge de repente, sem ter pressa de chegar.
Ainda distante,  mas perto o suficiente,
Para sentir seu  coração.
Que se encontrou, que encontrou meu coração?

Hoje, você  ainda quer,  viver e amar.
Você que me faz sentir macho,
Que me faz sentir homem,
Que me faz sentir vivo.
Você que me faz ainda crer...

De nós dois, temos muito a descobrir,
De você,
De meu querer,
De nossas vidas,
Do que queremos,  porque queremos.

Hoje sei de você, adolescente,
De você mulher,
De você amante,
De você amor,
De você Elizabeth.

Elizabeth Pellucci...
Uma linda mulher, que descubro a cada instante, seus segredos e sua essência.

Geraldo Rosa.

geraldo rosa
Enviado por geraldo rosa em 22/10/2006
Reeditado em 28/05/2007
Código do texto: T270871
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
geraldo rosa
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 55 anos
60 textos (4851 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:36)
geraldo rosa