Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meu Melhor Amigo

Oi amigo, vim aqui me despedir de você
Relembrar os momentos que passamos juntos
Nossas aventuras.

Lembro quando te trouxe pra casa, junho de 1998
Você era enorme, porém medroso e chorão
Resolvi treiná-lo, mas não tinha dinheiro para tal, pois adestramentos são caros.

Foi quando então resolvi aprender
E isto me abriu uma nova porta,
Pois as pessoas viam você treinando e passaram a me chamar pra treinar seus cães.

É amigo só que o treinamento de obediência não era o suficiente
Você continuava medroso, não conhecia sua força, foi quando decidi te preparar pra guarda

Cara, tu aprendeu e se superou
Passou a ser meu carro forte como eu costumava te chamar
Lembra quando tu tinhas um ano?
Tu me defendeste de um assalto

Foi bárbaro, me senti orgulhoso de ti amigo
Passaram-se os anos e mais uma vez lá estava você cumprindo sua função, trabalhamos juntos como segurança patrimonial

E saímos atrás de vagabundos que tentaram arrombar meu carro.
Isto sim foi amizade, você nunca me pedia nada em troca a não ser carinho, quando encostava sua cabeça em nossas mãos e queria que a coçássemos
Nossa você soltava todo seu peso sobre nós, queria que o mundo se acabasse em barrancos eu dizia; para tu morrer encostado.

Ontem amigo descobrimos que tu tinhas tumores no baço
Fiz de tudo que pude pra te ajudar, transfusão de sangue, cirurgia, não sabe quanto fiquei feliz ao saber que tu resististe à cirurgia e que a mesma foi um sucesso.

Porém, tu não me ouviste e desta vez pela primeira vez não seguiu a ordem que lhe dei;
Não lutou pra voltar e continuar comigo
E de madrugada faleceu

Vai amigo, descansa em paz, pois nunca vai haver um amigo como você; guerreiro, fiel, companheiro leal de todas as horas
Vai, pois agora tu és livre pra correr, nadar, e brincar como sempre gostou de fazer, nunca te esquecerei meu companheiro.

Rambo 06/09/1998 + 17/11/2006
Jorge Santos
Enviado por Jorge Santos em 18/11/2006
Código do texto: T294712
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Santos
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 47 anos
93 textos (4627 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:44)
Jorge Santos