Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FADA MADRINHA

Vou velejando sobre águas mansas
Levando comigo a paz que perseguia
Ao ver em teus olhos o verde da esperança
Fada madrinha do lirismo da poesia.

Meigo sorriso sublimado em ternura
Que nos abriga num santuário de afeição
Alma sublime transparente e pura
Que resplandece em teu generoso coração.

Amor que envolve o universo
Como hóstia sagrada dividida
Dando um novo colorido aos meus versos
E um banho de luz em minha vida.

Ser teu amigo é mais que privilégio
É ter certeza que só nunca poderei estar
Mesmo que eu sofra um terrível sortilégio
Tuas preces irão sempre me alcançar.

Nessa data tão feliz para todos nós
Que te devemos tantas alegrias
Receba o carinho dos meus versos
Efigênia, mensageira da luz e poesia.


Homenagem pela passagem de mais um niver de nossa querida amiga Efigênia Coutinho, que nos dedica tanto carinho no Recanto e Sala dos Poetas. 15/07







.
FalcaoSR
Enviado por FalcaoSR em 14/07/2005
Reeditado em 09/04/2010
Código do texto: T34406
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FalcaoSR
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
202 textos (26765 leituras)
7 áudios (1511 audições)
8 e-livros (331 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:26)
FalcaoSR