Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mel com N

Nossa, a distância é mortal
Separando a minha graça
Dessa sua capital

Desde sempre te gostei
De um jeito meio estranho
De um jeito que não sei

É como ter uma semente
Que pode brotar e ser
Duas plantas diferentes

Uma moita de amor
Um arbusto de amizade
Mas seja lá o que for

Eu te quero de verdade
Sempre perto, em contato
Porque é de qualidade

Esse mel, criança quase
Essa doçura e rebeldia
Esse sorriso que invade

O teu encanto bom
A tua normalidade
Até mesmo teu batom

Me causam boa impressão,
Me dão ternura e tesão,
Para sempre me deixarão
Nessa adorável confusão.
Odemilson Louzada Junior
Enviado por Odemilson Louzada Junior em 27/09/2005
Reeditado em 05/10/2009
Código do texto: T54189
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Odemilson Louzada Junior
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 42 anos
299 textos (13660 leituras)
1 áudios (33 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 10:31)
Odemilson Louzada Junior