Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Homenagem ao meu coração

Ah! Meu nobre coração,
Sei da dor e aflição,
Que te fez cair ao chão,
E esquecer-se em solidão.

Eu de ti me compadeço,
Pois és nobre, tens apreço,
Pela vida que conheço,
E que às vezes me esqueço,
Que é feita de paixão.

Não se sinta abandonado,
Nesse ardor exagerado,
Que te fez ficar prostrado,
Se sentindo um derrotado,
Só por ter se apaixonado,
Sem medir sua emoção,

És em mim um vencedor,
Pois em ti se fez o amor,
E de mim um sonhador,
Cuja alma sem pudor,
Busca sempre com clamor,
Realizar sua missão.

Jamais estará sozinho
Terá  sempre meu carinho,
Nessa vida em profusão.

O meu corpo é o teu ninho,
Teu destino, o meu caminho,
E teu sentir, minha razão.
Angelo Poeta
Enviado por Angelo Poeta em 27/08/2007
Reeditado em 15/01/2008
Código do texto: T626227
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Angelo das Neves - www.recantodasletras.com.br/autores/angelo0505). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Angelo Poeta
Curitibanos - Santa Catarina - Brasil
199 textos (32197 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 04:15)
Angelo Poeta