Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VOCÊ POESIA
 
Quis, num repente, fazer-te versos.

Sei lá, deu vontade homenagear-te

Pensei muito e não conseguia.
 


Para falar de você quis falar das flores

Pensei em falar dos grandes amores

Pensei muito e não conseguia.
 


Para homenagear-te quis falar das rosas.

Não me decidia se em versos ou prosas

Pensei muito e não conseguia.
 


De repente, num estalo entendi

Porque não conseguia.
 

Simplesmente porque você é a própria
 
POESIA
Mario Pereira
Enviado por Mario Pereira em 01/09/2007
Código do texto: T634553

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (mario pereira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Mario Pereira
Campos do Jordão - São Paulo - Brasil, 58 anos
445 textos (35480 leituras)
4 e-livros (145 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 07:45)
Mario Pereira