Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Por ti Choramos Morte

        Caímos em desgraça!

Já é tarde para morrer... pedra e girassol não iluminam mais a face da escuridão. O perfume das flores é privilégio dos que se foram a tempo. Suicídio não é mais solução aos românticos. Alegria virou máscara da depressão.

Escuta! escuta o silêncio... São ruídos do mundo que ecoam ao fundo.... vê como flutuam os acordes?

Para sempre fadados pelo saber do para sempre;
Escravos das lembranças alheias tão suas quanto deles.

Será tempo de viver?
Será tempo de sofrer?
talvez tempo de não ser...
tempo, tempo...

Sim, perdemos a morte para a vida, perdemos o sonho para vivermos a realidade. Acordamos e o narcisismo estava lá, forjado no marketing inter-pessoal:

Guerra !
Pulsão !
Desrazão !
Expressão !

Ah! Que saudades temos de ti morte!
Não nos deixam morrer; dizem eles: “Somos eternos sustentáculos do viver!”... bahh!!

        Em homenagem a ti, choramos: “Aqui jaz Morte ”
Thiago Castro
Enviado por Thiago Castro em 17/11/2005
Código do texto: T72753
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Thiago Castro
Curitiba - Paraná - Brasil, 33 anos
12 textos (414 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:42)
Thiago Castro