Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Escravos, Liberdade

No horizonte
O astro “macho” mastro chamejante,
Desperta mais uma vez.
Içando suas "velas"
Como de costume,
Apresentando um novo dia.

Os "carrascos" despertam
Estalando seus “chicotes”
Apressando-nos,
Para o “corre-corre” da vida.

Nas esquinas, praças e sinaleiras.
O preço da liberdade.
Lembro que outrora,
Tinha água, pão, trabalho e “ferro”.

Hoje “ela” já não denuncia mais,
Pois a cor que carregas,
Já não te livra da “chicotadas”.
Só te resta cativo ou furto.

Escravo, novamente escravo,
Mais escravo, cada vez mais.

Liberdade?

Hum! Liberdade!

Ti encontrarei na morte.
E gomes
Enviado por E gomes em 07/12/2007
Reeditado em 20/08/2012
Código do texto: T768914
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (E-gomes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
E gomes
Amargosa - Bahia - Brasil
19 textos (891 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 02:35)
E gomes