Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CASA FELIZ

CASA FELIZ

                                                           
                          Ao meu irmão Sílvio Medeiros.


Flores virais
que encontram
vitrais!
Flores antigas
de uma casa feliz.
Flores que
brotam do computador.
Máquinas e castiçais.
Com Sílvio Medeiros
não se brinca.
É um doutor, mesmo!
Adriana Calcanhoto
é uma grande poetisa,
tanto no brilho quanto na dor.
Elis Regina
repousa nos braços
do Criador.
Volto, novamente,
às flores vitrais.
Sílvio e suas musas:
Elis e Adriana... (Elisadriana)
são grandes artistas,
vitrais, florais,
poesias e dramas,
cenários que brotam
do computador.
Encerra-se, assim,
a poesia,
o dom supremo de
toda dor
e de
todo amor.


FERNANDO MEDEIROS
 verão de 2006

FERNANDO MEDEIROS
Enviado por FERNANDO MEDEIROS em 16/01/2006
Código do texto: T99365

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor Fernando Medeiros e o link para o site www.recantodasletras.com.br/autores/fernandomedeiros). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FERNANDO MEDEIROS
Campinas - São Paulo - Brasil, 53 anos
155 textos (8752 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 13:00)