Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POEMA PELA PAZ NA TERRA

Hoje acordei entre nuvens de esperança,
Sobrevoando os terrenos minados da dor.
Aqui e além, uma poça de sangue por entre o fragor
Dos lúgubres gritos de alguma criança!...

Talvez tenha perdido o seu pai;
Talvez tenha perdido a sua mãe;
Talvez nem tenha perdido ninguém…
Será apenas do estrondo de outra bomba que cai! …

Hoje acordei com esta estranha sensação,
Como se hoje fosse um dia especial…
Como se hoje, por uma qualquer razão,
Alguém pudesse erradicar da Terra todo mal!...

Mas como posso eu voar tão alto,
Só porque meus sentidos mais longe querem ver?...
Apenas radicalizo o meu sobressalto
Pressentindo que mais alguém vai morrer!...

E eu junto o meu grito de amargura
Aos gritos trazidos pelos murmúrios do vento...
Há no ar um odor de morte e sofrimento
E, dos poros dos homens, exala o odor da loucura.

Eu queria despertar todos os dias em mim
Acreditando que a Paz é sempre possível!...
E que estas madrugadas de pesadelo tivessem fim,
E que acordar não fosse uma aventura impossível!


HENRICABILIO
Enviado por HENRICABILIO em 16/08/2006
Reeditado em 16/10/2006
Código do texto: T217574
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.Henricabilio.web.pt). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
HENRICABILIO
Caldas Da Rainha - Leiria - Portugal, 55 anos
573 textos (246118 leituras)
20 áudios (22296 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 20:53)
HENRICABILIO