Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Paz na alma

Paz na Alma
Guida Linhares
 
 
Nos Santos Mistérios aplaca-se o furor,
por seus cânticos que chegam à alma,
cansada, dorida, desfalecida pela dor,
no conforto do refrigério que acalma.
 
Pelos mares da misericórdia banhado,
o coração antes só tristeza e pranto,
bate uníssono à calmaria, revigorado,
após a tempestade cruel e fustigante.
 
Nas pontes de luz, baixada a tormenta,
permeiam-se os anseios desvelados,
antes obscuros pela sombra cinzenta,
daqueles que sentiram-se ultrajados.
 
Vaga agora a alma em busca da paz,
aquela que eleva o coração a Deus,
permitindo-se à criatura um manto capaz
de abrigar renovados pensamentos seus.
 
E assim caminhando pela eterna jornada,
busca-se a alquímica fonte da solicitude,
aquela que resiste ao canto da Passárgada *
fazendo reviver a alma, em toda a sua plenitude.
 
Santos, SP-11/10/06
 
* Pasárgada. Durante séculos, figurou nos mapas, nas crônicas e nos feitos. Ninguém, contudo, que lhe espremesse a sonoridade (alegre, com tantos aa) e as ocultas promessas. Bandeira sim. E por causa de um instante individual de fuga, nossa ainda pobre  (especialmente de símbolos) literatura ganha um  xangri-lá, um nirvana em que, paradoxalmente, a mobilidade é  um prioritário objetivo a se alcançar.


Guida Linhares
Enviado por Guida Linhares em 15/10/2006
Código do texto: T265008
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Guida Linhares
Santos - São Paulo - Brasil, 70 anos
1939 textos (158341 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:36)
Guida Linhares

Site do Escritor