Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

JÁ NÃO ME SINTO SOSINHO

Hoje que estás distante,
Não sinto, a falta de antes.
Mesmo quando estava perto
Feria meu peito aberto,
Mesmo quando te via
Toda hora,todo dia,
Via: algo tá incerto.

É uma saudade boa
Que no peito amontoa,
Por saber que no momento
Estou em seu pensamento.
E eu,porém,não te esqueço,
Não choro nem mais padeço
Acabou-se o sofrimento.

Sem falar seu travesseiro
Com seu perfume,seu cheiro
Preenche minha cama vazia
Esquenta minh'alma fria
Só não substitui seu carinho
Mas a saudade alivia.
nomade
Enviado por nomade em 27/05/2006
Código do texto: T164165
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
nomade
Cerejeiras - Rondônia - Brasil, 40 anos
19 textos (1144 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:27)
nomade