Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Alice

Alice estava deitada ,cabelos esparramados
negros como as noites sem lua
lindos cabelos de Alice
pele branca como a luz de estrelas
assim era a pele de Alice.
Alica bela e serena ,sem vida estava Alice
Partiu pro céu levando ,levando consigo seu véu
véu que cobriu Alice na vida e na morte
não sei se isso é infortunio ou se foi pura sorte
Alice fria dormia em seu leito de morte
eu por ela velava,rezava,a minha era má sorte
lá se foi Alice,ao encontro de sua casinha com jardim.
jardim na frente que ela tanto sonhara.
lá se foi cheia de flores perfumosas,
com seu vestido listado,vestido de grávida.
seu rosto juvenil,angelical,por certo
estava todo gelado,até suas mãos bordadeiras.
Que saudade de você Alice,nas horas boas e nas difíceis.
Sua sabedoria é que me serve de alento.
Vejo seu rosto,nas formas que a nuven toma com o vento.
As suas canções escuto,Às vezes vejo seu vulto
Alice,você foi um sonho ;que para mim durou
apenas nove anos,esse sonho acabou...
porque o senhor lhe chamou.
agradou de sua fé,você era fervorosa
o altíssimo você conquistou.
E quem lhe amava ... chorou!
Lucina Duarte
Enviado por Lucina Duarte em 20/09/2006
Código do texto: T244796
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lucina Duarte
São Gonçalo do Rio Abaixo - Minas Gerais - Brasil
136 textos (7238 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:31)
Lucina Duarte