Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O silêncio da alma

Silencia a alma que se recata
No silêncio da noite que começa
Sem o brilho das estrelas festeiras
No luar apagado da lua dourada
Silenciam também os pensamentos
Adormecidos em travesseiros
Mofados pelo sal da lágrima
A angústia da ansiedade
Ao íntimo sobressalta
Trazendo-lhe imensa saudade
Que adentra no coração
Fazendo-lhe companhia na madrugada
Quebrando o silêncio profundo
E nas linhas molhadas escreve o amor
Resplandecente e ardente em sua pauta.

D.A.Reservados
Uma Mulher Um Poema
Enviado por Uma Mulher Um Poema em 26/09/2005
Reeditado em 12/12/2005
Código do texto: T53860
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Uma Mulher Um Poema
São Paulo - São Paulo - Brasil
2885 textos (497087 leituras)
75 áudios (27394 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 10:40)
Uma Mulher Um Poema

Site do Escritor