Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POR ONDE ADAM OS QUE AINDA NÃO PARTIRAM PARA NUNCA MAIS VOLTAR

   

                O QUE FIZ POR AQUI? TALVEZ NÃO SAIBAS.
             SENTIR SALDADES DE NÃO FAZER NADA TALVEZ.
          OLHA O QUE FIZ COM AQUELE PUNHADO DE SUCATA.

        ME DE UMA INFORMAÇÃO APENAS, PORQUE FAZ FALTA.
                 POR ONDE ANDAM SE É QUE AINDA ANDAM?
      SERÁ QUE NUNCA VIRAM AS FOLHAS DO CALENDÁRIOBALANÇAR.
   
                   ENQUANTO O SABADO PASSA LENTO .
QUERO UM OUTRO ALGUÉM PARA CONVERSAR CELEBRANDO O PASSADO
                ''CADA DOMINGO DE DEZ DIAS EM PLUTÃO.''
 
                      SOSINHO SALDADES SUAS FICARAM.
             POR ONDE ANDAS, E OS QUE NUNCA PATIRAM?
          OLHA O QUE FIZ COM AS SEMENTES QUE ME DEU!
                 QUER QUE O PONHA EM SEU PESCOSSO.
                       PORQUE NÃO NOS VEMOS MAIS.
DIEGO HUXLEY
Enviado por DIEGO HUXLEY em 08/09/2007
Código do texto: T643846

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
DIEGO HUXLEY
Sobradinho - Distrito Federal - Brasil, 30 anos
221 textos (11169 leituras)
1 áudios (42 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 10:41)
DIEGO HUXLEY