Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Frei Beto.(História)

História.(Frei Beto)


Você me faz saber que eu sou eu, e no teu olhar não me faz envergonhar
da minha própria história, pois suas palavras eu guardo na memória
como espelho que reflete e mostra na face a dor, o orgulho da vitória.
A vida é uma luta diária, as vezes ingrata, mas tua palavra me liberta
dos medos, das mágoas, e do passado que insiste em aparecer no futuro
como se fosse fruto de um sonho que acabou perdido no meio da solidão.
Solidão de palavras, de idéias, de fatos e atos que se perderam na história
e como parte da memória nos remete de volta ao passado, e o único alívio
e saber que lutar é melhor do que desistir, e olhar os problemas de frente
é a única maneira de construir a felicidade, e a verdadeira felicidade é,
não se envergonhar da sua própria história, pois a vida é um remendo
de idéias, de ações, de conquistas, de derrotas é vitórias sobre si mesmo.
Já que nossos sonhos e desejos nem sempre são compativeis com a realidade.
 “Beto” guarde no teu coração as memórias de Alice, que eu guardo no meu
as memórias de Adriana, quanto ao sonho de liberdade e solidariedade
que com amor se constrói um mundo melhor, esses guardamos juntos
no seio de um Brasil mais justo e unido, pátria do evangelho de Jesus Cristo.
E todos nós que acreditamos na liberdade como forma de igualdade, e
guardamos os tesouros do coração, como foi recomendado pelo divino Mestre
fazemos dessa vida uma passagem que apenas resgata a liberdade, dos que
sonham mudar o imutável, e se espera no bilhete de volta para casa
reencontrar a verdade que nesta vida foi negada,
mas então veremos face a face.

Ricardo di Paula, 29/09/07.
Inspirado:
“Artigo Frei Beto”, Jornal “O Dia”.
Memórias de Alice, 23/09/07.














































Ricardo di Paula
Enviado por Ricardo di Paula em 04/12/2007
Reeditado em 04/12/2007
Código do texto: T764158

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ricardo di Paula.(ricardo.mync@ig.com.br)). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo di Paula
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 49 anos
327 textos (72367 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 11:39)
Ricardo di Paula