Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dói-me


Dói-me, cada vez que eu parto,
Deixando você sozinha
Somente com a companhia da lua.

Dói-me, ver em teus olhos
A dor da partida antes mesmo de ir embora.

Dói-me, não poder te aquecer nas noites frias,
Dessa primavera que chega tão chuvosa.

Dói-me, não poder ficar todo momento ao teu lado,
Fazendo com que cada segundo da tua vida
Torne-se o mais feliz possível.

Dói-me, não explorar todo o sentimento que sentimos,
Esse sentimento que nos torna um só corpo, uma só alma.

Dói-me, ausentar dos teus braços,
Ficar longe dos teus afagos
Não consumir totalmente o amor que sentimos.
Vinícius Martins
Enviado por Vinícius Martins em 14/01/2006
Código do texto: T98740
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vinícius Martins
Gurupi - Tocantins - Brasil, 32 anos
10 textos (261 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:44)
Vinícius Martins