Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Angustia

Por que de repente, eu me sinto intruso?
Foi por que cessou a falta de atenção,
A falta de um olhar esperado que não mais se cruzou?
Um sorriso concedido a outrem e para mim, não?
Por que te desligas de mim numa aula
Quando eu consigo fazer me ligar nas duas coisas ao mesmo tempo
Sentir ate o som da tua respiração?

Mas sempre existe uma cortina fina,
Entre a impressão sentida e intenção realizada

Entre uma idéia errada e uma verdade aceitável e pouco clara

O escuro distorce ou mascara
A luz, define o real, os detalhes da verdade
As cores da alegria e da esperança



11/02/2005 – 19:30 hs
Durante uma aula de Historia do Direito Romano
Rodolfo de Sá Cavalcanti
Enviado por Rodolfo de Sá Cavalcanti em 26/01/2006
Código do texto: T104278
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rodolfo de Sá Cavalcanti
Recife - Pernambuco - Brasil, 64 anos
11 textos (342 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:02)
Rodolfo de Sá Cavalcanti