Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lágrima

No canto do meu olho
Eu vi nascer
Uma lágrima inquieta ,
A minha pele começou a humedecer
Com o seu ousado correr
Para parte incerta .

Sai dali disparada ,
Tomada pelo seu ,
Pelo meu sentir ...
E eis que me deixa debruçada
Apenas a vê-la cair .

Que mais posso fazer ?
Senão prostrar-me diante dela
E pedir-lhe que corra devagar ,
De forma que me permita perceber
Porque não consigo sofrer
Em silêncio , sem chorar .
artescrita
Enviado por artescrita em 02/02/2006
Código do texto: T107294
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
artescrita
Portugal, 33 anos
107 textos (4742 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 10:13)