Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A falta e o horror

FAZ FALTA HOJE POR QUE ONTEM NÃO SOUBERAM CUIDAR
ME LEMBRO AGORA O VALOR QUE ELES NÃO SOUBERAM DAR
PENSARAM TODOS QUE AQUELE BEM NUNCA IRIA ACABAR
A TRISTEZA FAZ DE MIM UM REI QUE SE PÕE A CHORAR

EM UM REINADO SECO ESCASSO SEM COR NEM FLOR
ACIMA E ABAIXO OS DESASTRES QUE A HUMANIDADE CRIOU
A MÃE NATUREZA INCAPAZ DE SE MANIFESTAR

GRITOOOOOU!!!!!

COM PALAVRAS COM LÁGRIMAS E COM UM IMENSO DESAMOR
QUE SUAS ÁRVORES DE FOLHAS SECAS SEM PERFUME E MUITA DOR
SERIA O AVISO DE UMA FÚRIA COM GRANDE SABOR

AMARGO SEM TEXTURA COM PRAZER E UM SOBERBO RANCOR
PARA MOSTRAR AOS HOMENS QUE A FAUNA SEM A FLORA SE DEFINHOU
TRARÁ A SUA REVOLTA PARA A HUMANIDADE QUE A COMEÇOU
TÃO PURA A ÁGUA VIDA TROUXE E MUITAS OUTRAS MODIFICOU

O HOMEM EVOLUINDO QUIS BRINCAR DE DEUS E A DIZIMOU
SERÁ QUE NA GUERRA PELA ÁGUA VAI VALER A PENA SER O VENCEDOR

COMO VIVER ASSIM!!!!

A GUERRA PELA ÁGUA É O FIM
ME DIZ SE É BOM ASSIM
SEM ÁGUA NA TERRA A VIDA NÃO VAI EXISTIR ...

GRITOOOOOU!!!!!
CABELO
Enviado por CABELO em 08/02/2006
Código do texto: T109486
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
CABELO
São Paulo - São Paulo - Brasil, 37 anos
6 textos (1340 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 20:46)
CABELO