Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carmesim

Vagarosamente.
Vermelho em pequenas gotas, escorrendo lentamente por meus dedos.
As lágrimas que escorrem não são de dor, não desta dor.
As lembranças que me trazem simples gotas, fazem nada, nada além de me levar às lágrimas.
A água escorrendo em minhas mãos, o vermelho vivo perdendo toda sua cor.
O roçar do pano com minha pele, por mais áspero que seja me lembra seu contato.
Suas mãos em minha cintura, seus lábios sobre os meus...
Nada é como antes.
A taça de vinho sobre a mesa, era antes amor e, todo o seu significado. Agora nada mais é do que uma taça de vinho.
Os lençóis revirados era amor, de todas os tipos, em toda sua forma, agora não é mais nada, além  de uma  noite mal dormida.
A lâmina da faca, limpo vagarosamente, e até ela era amor. Eram nossos sorrisos que nela se refletiam, mas que agora nela só lágrimas se reflete.
Vermelho em pequenas gotas, caindo no sofá onde tantas vezes fomos felizes.
Nada além da saudade, choro, vazio e lágrimas. Nada além disso este sangue me lembra.
Nada além de você que partiu. Vagarosa e dolorosamente, como as gotas que escorrem por meus dedos.
Sra Tyler
Enviado por Sra Tyler em 26/03/2006
Código do texto: T128920
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sra Tyler
Santos - São Paulo - Brasil, 26 anos
6 textos (229 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:27)
Sra Tyler