Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

“Perdido”

Olha eu aqui...
Aqui, neste canto parado
Olha eu aqui...
Mancebo jogado, largado

O tempo urge
Vai passando, passando
Olha eu aqui...
Ninguém me vê

A chuva cai, lentamente molha meu corpo
Molha a rua vazia, rua de Paulo, de Maria
Cá estou eu sozinho no canto
Calado no canto, na chuva em pranto.

A rua é minha, suavemente minha
O brilho da lua também é meu
Já não vivo, sou pensamento perdido no vento
Perdido no tempo, jogado ao relento.
Belchior Contins
Enviado por Belchior Contins em 26/03/2006
Código do texto: T128966
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Belchior Contins
Lagoa Santa - Minas Gerais - Brasil, 50 anos
46 textos (3955 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:51)
Belchior Contins