Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Medo do Amanhecer!

Ilusão, solidão, aplaca meu ser,
Faz falta o renascer de um bem querer...
Angústia refinada,
Pequenas alfinetadas
Machucam minhas entranhas,
Numa doce e estranha ilusão
Que penetra meu coração.
Pergunto-me...
Que amor é esse?
Que me envenena,entorpece
e padece de tanto querer...
O que fazer, se ao renascer vim aprender
O doce e, a amarga razão de viver...!
Sonhar e Sonhar! Quanto sonhar, para depois acordar
E me embriagar na ilusão de um amanhecer...
Aurora, raios quentes penetrando minha mente,
Eu, sobrevivente de um naufrágio decorrente
Da ilusão decadente de um triste amanhecer...
Perder e receber...Outra vez eu aqui,
Triste e sem sonhos com pesadelos medonhos
Com medo do amanhecer!

Egregora
Enviado por Egregora em 12/05/2006
Código do texto: T154717

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Egregora
São Paulo - São Paulo - Brasil, 55 anos
28 textos (1707 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 01:20)
Egregora