Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Preto e Nada

coisas vazias de nada
areia jogada no vento à toa
que se espalha atrás de mim
bem diferente do que você faz

o mundo tentou me ensinar tudo
e o que eu senti foi o nada
minhas mãos azedas não
consegui lavá-las

agora elas estão
manchadas de preto
sujando tudo ao
meu pequeno redor

quem são esses
que brincam ao meu lado?
eu não deveria ter saído
de casa naquele dia

a vida não tentou me ensinar nada
e o que eu senti foi tudo
minhas mãos limpas
foram sujas de novo

de preto tudo manchavam
até as nuvens mais brancas do céu
menos você que é uma nuvem que
pertence a outro céu que não é meu...
Menino
Enviado por Menino em 22/05/2006
Código do texto: T160635
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Menino
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 28 anos
37 textos (1424 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 14:27)
Menino