Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TRISTE INQUIETUDE

Descobrí que minha alma
Agora é só sentimento
Dor,medo,trauma
De tantos sofrimentos.
Se é que alma existe,
Ou é só um anjo triste
Perdido em penssamentos.

Penssamento é uma obra
Da inquietude de viver
Viver mé o que nos sóbra
Quase sempre,sem querer
Estar com a alma aflita
É uma sesação esquisita
Não tem como discrever.

Agora me sinto tôlo,
Talvez um tanto infortuno
Mesmo de véra não fô-lo
No momento oportuno
Sinto a alma cansada
Talvez se sinta culpada
Por ter um coração gatuno.

Coração não culpe a alma
Por um dia ter amado,
Precisas manter a calma
Enão ser precipitado
Da paixão ninguém é dono
É só estar em abandono
Que homem fica apaixonado.
nomade
Enviado por nomade em 27/05/2006
Código do texto: T164148
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
nomade
Cerejeiras - Rondônia - Brasil, 40 anos
19 textos (1144 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 20:19)
nomade