Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PESADELO

Um buraco.
Negro.
Escuro.
Frio.

Não sinto meus pés,
nem minhas mãos.
Eles congelaram.
Não sinto meus lábios,
meus pensamentos ardem,
meus olhos se fecham.

Com meus dedos frios esfrego meus rosto,
na tentativa de acordar do pesadelo,
mas não consigo.
Sinto o meu peito amargando em dor
enquanto vejo sua imagem na cama,
jogada,
desfacelada.

Tento te tocar,
mas seu corpo some,
e no lugar fica só o seu cheiro.
As vezes eu te beijo,
mas no fim você não está comigo,
como nunca esteve.

Tento acordar,
não consigo...
Como fazer para me libertar
do passado que me aprisiona
nesse pesadelo sem fim?
Diana Marques
Enviado por Diana Marques em 17/06/2006
Código do texto: T177530
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Diana Marques
Guara I - Distrito Federal - Brasil, 32 anos
22 textos (909 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 16:43)
Diana Marques