Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ABANDONADA
Guida Linhares

Completamente à deriva
abandonada estou
Meus sonhos evaporaram
os amores partiram
meus versos
vagam em um mar revolto
Olho ao meu redor
e me vejo completamente só
Nada há em torno de mim
apenas um imenso vazio
Ninguém que me afague
nem abraços que me aqueçam
nem bocas murmurantes
Das palavras de amor
balançadas ao vento
as borboletas levaram
para bem longe de mim
Os sabiás de divino canto
bateram suas asas
e sumiram faz tempo
Aos poucos percebi que
outras falas te atrairam
outros lábios tu beijastes
olhos de lince te sugaram
e você me abandonou
Vago solitária e triste
sem você e sem poesia
Da fascinação de um dia
nada mais restou
apenas cinzas de um
pretendido amor
Livre estás do meu abandono.
Que sejas feliz
com quem te atraiu
de tal forma que
esqueceste que eu existo.

Santos/SP/Brasil
30/06/06

&&&

Guida Linhares
Enviado por Guida Linhares em 30/06/2006
Reeditado em 12/01/2012
Código do texto: T185287
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Guida Linhares www.guidalinhares.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Guida Linhares
Santos - São Paulo - Brasil, 70 anos
1939 textos (158392 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 08:25)
Guida Linhares

Site do Escritor