Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mentiras

Quero fechar os olhos e fingir que nada aconteceu.
Quero parar o tempo e me enganar durante horas.
Quero imaginar que é tudo um pesadelo e que logo irei acordar.
Não sei por quanto tempo mais vou suportar.
Acho que o amor roubou toda minha sanidade
E eu estou cego pelas tantas lágrimas.
Quantas lágrimas mais terei de derramar por você?
Porque você não dá a mínima pra nada que eu faço,
Durante todo esse tempo que eu estive sozinho,
Eu tenho sonhado com você;
Na esperança de que um dia você irá olhar para mim.
Eu não significo nada para você?
Quantas lágrimas mais terei de derramar por você?
Quantas mentiras mais terei de inventar para o meu coração?
Talvez nunca seja bom o bastante pra você,
Sou apenas o nada que se desfaz a cada anoitecer.
E assim será, não consigo acordar dessa fantasia que me ilude.
Quantas lágrimas mais terei de derramar por você?
Sempre tão perto de você e você tão distante de mim.
Dando tudo de mim por você
E o máximo que irei conseguir é um “Até logo”.
Minha única companheira é a solidão.
Então, vejo você soltar a minha mão
Sabendo que você não se importa,
Você me deixa cair mais e mais
Até o meu refúgio de desamparo.
Até lá permaneço dormindo.
Mas por favor, não se esqueça de mim,
Eu sempre vou estar do seu lado.
E se eu tiver de dormir, só para sonhar com você,
Vou acordar sem você do meu lado.
Eu não consigo acordar, eu não quero acordar.
Quantas lágrimas mais terei de derramar por você?
Quantas forem necessárias, pois vou te amar pra sempre
Ainda que por toda a eternidade.
Glaucio Viana
Enviado por Glaucio Viana em 23/07/2006
Código do texto: T200331
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Glaucio Viana
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 27 anos
157 textos (19932 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:20)
Glaucio Viana