Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Numa certa noite.....

Vago pelas ruas
piso forte
como se a calçada
fosse culpada
do meu desespero.
Caminho rápido
rítmo aeróbico
meu coração dispara
acelera
descompass

a.
Levanto a cabeça!
Gente me olha
observam minha loucura.
Me apavoro
páro repentinamente.
É noite!
Olho pro céu
no infinito
brilham estrelas que circundam lua cheia
me dizem que existe vida.
Através de sua beleza
ridícula me sinto.
Volto pra casa
agora, mais calma
analiso cada ato
foi em vão aquele sofrimento
é fato?
Não sei.
Valeu o exercício
valeu o espetáculo do céu
valeu o recado do momento.
Despertou em mim
a vontade
de ser inteira
ser  eu mesma,
enfim.
Naiara Barbedo
Enviado por Naiara Barbedo em 29/07/2006
Reeditado em 16/04/2009
Código do texto: T204639

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Naiara Barbedo
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
217 textos (10882 leituras)
1 e-livros (36 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 12:11)
Naiara Barbedo