Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Corrompido

Não estou corrompido pela paixão, cíume ou cegueira
Estou corrompido pelo amor
Todo eu, corpo e alma, pelo amor
É uma invasão de sentimentos que pela força do seu peso
Me mantém preso, recluso de um coração
O teu..
E eu..
Não encontro a solução para este drama
Remeto á solidão a extinção do que me inflama
Amarroto o meu poema e o jogo ao chão
Não me entrego, pois não posso, não posso
Pois não quero que entendas meu desespero
Não quero que estendas a mim a compaixão
E embora jure que não, eu prefiro assim.
Me guardar e te guardar em mim
Sentir o teu silêncio a abraçar o meu...
A suspirar o que ficou por vir
E me perdoar
Me perdoar por ser tão fraco
Por ser tão eu...
TrabisDeMentia
Enviado por TrabisDeMentia em 23/08/2006
Código do texto: T223355
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
TrabisDeMentia
Portugal, 39 anos
54 textos (2526 leituras)
3 áudios (469 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:11)
TrabisDeMentia