Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM HOMEN SÓ

Sou pobre sofrido
Não tenho ninguém
Sou assim definido
Menor que um vintém

Sou como a semente
Lançada no chão
Preciso somente
Um pouco de água
E um naco de pão

Sou pedra polida
Da beira do rio
De pele rachada
Nos dias mais frios

Rapando a panela
Roendo o caroço
É a triste mazela
É o fundo do poço

Mas que me importa
Se isto não faz sentido
Nessa vida tão torta
Nada é bem definido

Não preciso lógica
Nas coisas que faço
Se eu morro hoje
Amanhã renasço

Vera Lucia Trindade
Enviado por Vera Lucia Trindade em 20/09/2006
Reeditado em 16/10/2006
Código do texto: T244920
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Vera Lucia Trindade
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil, 44 anos
11 textos (933 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:16)
Vera Lucia Trindade