Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Delírio

Bastou eu fechar os olhos, e sentir o silêncio,
Que eu pudi sentir o quanto pungente é a sua agonia.
ensurdeci os sentidos, nostalgiei os pensamentos
Me exilei da luz do dia.

Pus o "não perturbe" na porta do coração.
Fechei as cortinas das janelas de minha alma,
Guardei meus desejos nas gavetas
Dos meus sonhos inabitáveis.

Me arremessei até o horizonte,
Onde vi um outro horizonte,
Que me levou muitas vezes até onde
As dores são inevitáveis.

Mas ainda vi seu sorriso em um campo de girassóis.
Perdido, inconstante, fugaz...
Assim como uma chuva de verão
Que já se foi sem deixar sinais.

Abro os olhos embaçados pelas lágrimas
Tentando apenas compreender,
Se caminho ao teu lado, atravesso te caminho,
O que te fazes não me ver?


                           Jefferson Rodrigo
Jefferson Rodrigo
Enviado por Jefferson Rodrigo em 29/09/2006
Reeditado em 28/11/2006
Código do texto: T252283
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jefferson Rodrigo
Nilópolis - Rio de Janeiro - Brasil, 28 anos
15 textos (635 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:26)
Jefferson Rodrigo