Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poesia e vinho

Poetas choram,
Poetas amam,
Sofrem, se perdem,
Não se esquecem
Da época que viveram.
Dos amores que tiveram,
Das dores que sofreram.
Poetas vivem e morrem.
Mas sempre deixam sua grande arte
Poetas são lembrados no amago da dor
E jamais são esquecidos quando há a amor.

Vinho inebriante
É como poesia
Transforma á historia.
Nos deixa sem razão
Somente a emoção
Predomina no coração.
Vinho bebida dos amantes
Nos deixa loucos, desvairados
E como todos os loucos
Amam as delícias da vida.
Bebemos vinho,
E escrevemos poesias
Viva as delícias da vida
Viva a poesia, viva o vinho.
Poets Of Night
Enviado por Poets Of Night em 20/10/2006
Código do texto: T268782
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Poets Of Night
São Paulo - São Paulo - Brasil, 27 anos
82 textos (10575 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:34)
Poets Of Night