Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pepitas de ouro

PEPITAS DE OURO



Perdi o contato com meu exército
Apenas Nathaly me trouxe
Um frasco com fel
E me disse que a batalha começara.
Devo bebê-lo sempre
Que me sentir sozinho.
As estratégias de ataque
Estão empatadas com as de defesa.
Acho que é melhor negociarmos a paz.
Deus do amor,
Por que me queres pastando?
Com meus olhos em terra?
Fazendo crescer pelos e arpões em meu corpo?
A tartaruga está em vantagem
Tem uma carapaça
Ainda assim tem pontos vulneráveis.
Comprarei a felicidade
Com as pepitas de ouro
Decantadas em meu coração.
Sorte
Azar
Vão me disputar.



Curimã
3.7.2006
Curimã
Enviado por Curimã em 27/10/2006
Código do texto: T275220
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Curimã
Palhoça - Santa Catarina - Brasil, 46 anos
195 textos (10120 leituras)
2 áudios (60 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 06:05)
Curimã