Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sou quem eu não sou

Passo por uma dor terrível,
a dor de uma partida,
de um adeus que nunca pude dar.

Enterro hoje a minha alma alegre
e me volto para dentro de mim...
Morro no deleito da minha insensatez
e obscura tristeza.
Qual não tenho mais forças para lutar.

Na aparência  escondo a minha fragilidade
e deixo transparecer a forja de quem sou.

Cansei!
Quero gritar , ser diferente e igual.
Não quero ser eu,
quero dormir o sonho dos anjos
e deitar com a paz dos espíritos.

E hoje me despeço desse meu eu
que enterro com dor
para fazer renascer alguém pior.
Mizinha
Enviado por Mizinha em 13/08/2005
Código do texto: T42322
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mizinha
Salvador - Bahia - Brasil, 30 anos
10 textos (546 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 22:56)