Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Atado

Os laços voltarao a se unir,
ficarei atado de novo no meio do nó.
Os labios com o tempo voltarao a sorrir.
E nos cantos da sala ... o pó.

E quando o inverno chegar,
eu vou sentir o peso do anel no dedo.
Mas se o verao sorrindo voltar,
eu já nao lembrarei do que foi o medo.

Os ossos voltarao a se quebrar,
o triturador deixará a vida no chao.
Minhas veias com o tempo voltarao a se queimar,
quando eu abrir os olhos e fechar a mao.

Se fossem mentiras bem contadas ...
eu sentiria prazer ao engolir.
Pois ao estarem no estomago revoltadas,
por fim poderei fechar os olhos e durmir ... durmir ...

Luiz
luiz gomez
Enviado por luiz gomez em 08/09/2007
Código do texto: T643967

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
luiz gomez
Chile, 28 anos
46 textos (1165 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 12:53)