Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Triste Sintonia

Não grite, minha pequena criança,
Encontrastes o teu lugar;
Já não tens que ver o sol.
És mantida pelo suave acalanto da morte.
Essa música sobre a morte sussurrada
Soa calmamente em teus ouvidos.
Sabes que destes teu último suspiro.
Teu tempo para libertação é agora.
Enquanto és colocada para descansar,
Eu te sinto ir embora.
Em minha sanidades, fiz o meu melhor
Para viver outro dia
... e isso é tudo o que tenho.
(...)
É quase meia-noite agora, já chega por hoje.


Por favor, meu herói, não chores.
Estou em um lugar melhor agora
Não tenho mais que sentir aquela dor.
Estou nos braços dos céus.
Por favor, não chores
Não se aflinja tanto por mim
Estaremos juntos mais uma vez.
Estou ganhando minhas asas, estou livre agora.
Por favor, não chores por mim.


Não tenho mais lágrimas para chorar.
Ainda vejo o teu semblante...
Tens o rosto de um triste anjo.
(....) !
Eu sei, você não queria morrer.
Lorrayne Renho
Enviado por Lorrayne Renho em 12/09/2007
Código do texto: T648981

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (citar o nome do autor e o link para a obra original) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lorrayne Renho
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 32 anos
28 textos (991 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 19:21)
Lorrayne Renho