Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estou tão só

Joguei fora
As cinzas de mim
Apaguei meu sorriso
Quebrei minhas palavras,
Entrei no silencio
Deste meu céu sem cor.
Estou só – miserável criatura
Cobrindo-me de lodo,
Todo lodo desta insônia
Que traduz em versos
A angustia de minha vida.
Mas que importa,
Se no meio desta escuridão
Calou-se a sua boca
Deixando-me
Tão só?
Luciah López
Enviado por Luciah López em 25/10/2007
Código do texto: T708891
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Luciah López
Curitiba - Paraná - Brasil
1432 textos (76644 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 02:34)
Luciah López