Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cores

Estive deitado em minha cama
Sentido leste-oeste
Mão esquerda caída
Roçando o chão
Chão frio, piso branco
Contrastando com o calor dos dias

Mirava o canto oposto à janela
O canto escuro do quarto
Do encontro de duas partes
Sobreposto pelo forro
Onde pouca iluminação alcança
Apesar do sol forte lá fora

Uma fraca iluminação amarela
Distorcendo a visão
Como se vagasse sem rumo
Por uma estrada de asfalto
Cercada pelo amarelo deserto
Se isso lhe agrada

E de repente
Sorrateiramente
Um lampejo de azul
Como se o céu alcançasse
Mesmo que por um segundo
O canto escuro do quarto

Mas que nada
Era o reflexo da camisa azul
Pendurada no varal.
Sitrucian M
Enviado por Sitrucian M em 21/11/2007
Reeditado em 04/02/2017
Código do texto: T746882
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sitrucian M
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
23 textos (1813 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 16:13)
Sitrucian M