Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sobrevivendo

Ninguém vive mais
As pessoas sobrevivem, e eu sou uma delas
Estou sobrevivendo à essa dor
Estou pulando os obstáculos com muita dificuldade
Estou caindo e levantando
Estou sobrevivendo...a tudo que fizeram
Estou tentando curar a ferida
Está sangrando muito
Foi um bife cortado a sangue frio
Foi uma faca enfiada em meu peito
Foi um tiro a queima-roupa
Sem nenhum remorso
Nenhum sentimento que fizesse isso mudar
Nenhum palavra bem dita faria o mundo voltar
Nada tem volta
Só resta arrependimento
Só resta a dor e a destruição
Só me resta continuar pulando os obstáculos que há de vir
Sem olhar para trás, fazendo um tremendo esforço
Tudo conspira contra mim
Sinto que o mundo me esmaga, e eu não tenho para onde ir
Continuo parada esperando a minha destruição
A minha morte porém, a minha felicidade
A felicidade que não existe
E que nunca vai existir
Os momentos que existiram e que nunca voltarão
Só me resta um milagre para que tudo volte ao normal...
Para que tudo volte a ser como era antes
Momentos felizes
Apenas momentos...momentos felizes
Passageiros e felizes...

Polyane
Enviado por Polyane em 23/11/2007
Código do texto: T749149

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Polyane
Diadema - São Paulo - Brasil, 31 anos
17 textos (655 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 19:00)
Polyane