Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Retrato da alma

Sou filho da noite e da Lua,
Sou orvalho que chove pelas ruas,
E estrelha que a muito não brilha...
Sou cálido sorriso esquecido,
Sou cálice morno do fruto divino...
Procissão rumo ao desconhecido
E escárnio ao que tenho vivido...
Lembrança do que sem tem perdido!
Sou passado, pretérito e adjunto
Em suma... lástima!
Sou meu próprio mundo.
Lepão
Enviado por Lepão em 29/11/2007
Reeditado em 26/01/2008
Código do texto: T757471

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lepão
Birigui - São Paulo - Brasil
17 textos (741 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 07:44)
Lepão