Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



Como eu te amei

Eu te amei,
te amei com paixão, com adoração,
como nunca amei ninguém.

Fiz de ti minha razão de existir,
trilhei caminhos ao teu lado,
em tuas guerras contigo batalhei.

Eu te amei com a força de um vendaval,
em tuas mãos minha vida entreguei,
renasci das cinzas e todo o meu ser dei.

Fiz de ti meu mundo,
te fiz minha emoção, a luz do meu querer,
de sonhar, sentir e amar.

Eu te amei mais que a mim mesma,
vivi tua vida, chorei tuas lágrimas,
senti tuas dores, com mundo por ti briguei.

Hoje choro por mim, por minhas dores,
dores que calam fundo em minha alma,
num pranto marcado que em meu peito queima.

Eu te amei... Te amei a cada respiração,
a cada batida do meu coração.
Ah! Como eu te amei...

( Poema escrito por mim aos 20 anos. )


ÐäMå Ðë ÑëG®ö

Apenas uma mulher que já riu, amou, se entregou e chorou.
Escrevo apenas o que sinto. Muito longe de ser uma poetisa, sou alguém que apenas sente!


Dama De Negro
Enviado por Dama De Negro em 30/11/2007
Reeditado em 18/05/2012
Código do texto: T759388

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dama De Negro
São Paulo - São Paulo - Brasil
1890 textos (146721 leituras)
2 e-livros (329 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 02:22)
Dama De Negro