Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O meu Cristo



Encontrei o meu Cristo num barquinho
À deriva, num mar assustador;
E Ele, sereno, dominava as ondas,
Com seu olhar de Velho pescador...

Encontrei o meu Cristo num menino
Que chorava, deitado na calçada;
O rosto sujo, a roupa maltrapilha,
Era o Cristo, Criança Abandonada.

Encontrei o meu Cristo, numa Igreja,
Que o brilho dos cristais, toda enfeitava;
Mas Ele estava à porta: era um mendigo
Que pedia um auxílio a quem passava...

Encontrei o meu Cristo num artista
Que falava co’a voz do coração;
Cantava o amor, na fria madrugada,
Era o meu Cristo, em forma de canção...

Encontrei o meu Cristo confinado,
Num leito de total isolamento;
E seus lábios se abriam, num sorriso,
E não se ouvia dele, um só lamento...

Encontrei o meu Cristo na mulher
Que me tirou da vida o que era triste!
Que sofreu por amor e fez-me ver
Que este CRISTO-MULHER também existe...

Este o Cristo que eu amo! É toda gente
Que acredita no amor, na humanidade!
Este Cristo não morre! E sempre vive,
Num gesto de ternura e de bondade...
Marcos Coutinho Loures
Enviado por Marcos Coutinho Loures em 05/08/2006
Código do texto: T209879
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcos Coutinho Loures
Muriaé - Minas Gerais - Brasil, 80 anos
29 textos (3213 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 08:37)