Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PLEITEANDO COM DEUS


Senhor, é pouco a busca que tenho feito
A fim de alcançar sabedoria?
Ou, acaso, não tenho direito,
E não é para mim essa primazia?

No que eu tenho alcançado,
Tenho me esforçado em fazer;
Ou é pouco o meu cuidado,
E apenas o meu dever?

És um Deus que te ocultas
Nas horas mais difíceis;
Não atentas pras labutas
Daqueles que são teus filhos?

Parecem tardias as tuas promessas,
Que já me canso de esperar;
Acaso também são as provas
Que tenho que suportar?

Tenho vivido dias de angústias,
E não vislumbro nenhum socorro.
Os céus são de nuvens escuras,
Já não importa se vivo ou se morro.

Senhor, apesar de que sou um homem,
Que é feito da palavra que empenhaste?
Vê que a minha alma se consome
Esperando naquilo que me falaste.
Sei que o fim está chegando,
E muito há para ser feito.
O que ainda está faltando
Para que eu tenha direito?

Eu preciso duma resposta,
Digna-te em me responder;
Dize ao menos: chegou, basta!
Fiquei surdo pra você.

Então o meu nome exclui da tua mão,
E me deixa ir pra sepultura;
Se é que rejeitas minha oração,
E por ser simples criatura.

SP, 30/09/07

A resposta de Deus:

Não te aflige,
Não te aflige;
Estou contigo,
Conforta-te.
SP, 01/10/07
oliprest
Enviado por oliprest em 06/10/2007
Código do texto: T682727
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Oli de Siqueira Prestes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
oliprest
Manaus - Amazonas - Brasil, 67 anos
2149 textos (181669 leituras)
245 áudios (2546 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 05:49)
oliprest

Site do Escritor