Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

...depois de algumas horas...

     O rio, o cheiro, as vozes, as linguas...
     A agua no corpo, o frio que arrepia depois do banho,
     A fumaça, as árvores, a tarde caindo de mancinho.

O sol se vai levando mais um dia de vida,
Nunca mais estes momentos serão vividos,
As companhias não serão as mesmas...o lugar
nunca mais será o mesmo.

     O barco corta as águas do Kuluene
     O sol mais baixo ainda
     Cria uma cortina natural.
     Novamente as vozes
     Novamente as sombras da mata nas águas
     Sombras da vida na vida.

O sol, rei da luz se foi.
Ficam as sombras
O vermelho rubro como último sinal,
O calor já não encomoda
A brisa que o barco desloca
Traz cheiros e sons conhecidos.

     Tudo isso traz a lembrança
     Lembrança de todos,
     Que comigo por aqui passaram um dia.
     Do dia que passou e já é lembrança
     Daqueles que comigo hoje viveram,
     Daqueles que comigo venceram.
Jpires
Enviado por Jpires em 22/08/2006
Reeditado em 19/09/2013
Código do texto: T222647
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (creditos atribuidos a jpires). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jpires
Sobradinho - Distrito Federal - Brasil, 63 anos
108 textos (2903 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 16:39)