Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RECORDAÇÃO

Sinto que te conheço de outras vidas, de outro céu, de outros tempos...
Reconheço o brilho do teu olhar, o toque suave de tuas mãos o tom meigo de tua voz
e a maneira de agir e pensar.
Sim, eu te reconheço de algum lugar. Pois, recordo-me de alguns de nossos momentos...
De como somos ligados, de tua alma como parte inerente a minha e não saberia te explicar como todas essas coisas são para mim, tão familiar e casual.
Na tua frente fico tímida, perco-me nas palavras e nem sei o que pensar.
Mais, eu preciso fazê-lo compreender o quanto é real para mim a lembrança de que apenas eu sei... que reencontrei você.
Dissestes-me, algumas vezes, que algo especial de mim se encontra no teu interior,
que tem momentos que me sentes como parte do teu ser, que por aonde vais sente-me a te acompanhar.
Relacionando todos esses fatos, sinto intuitivamente, que simplesmente, reencontrei você.
Que nosso amor provém de uma fonte inesgotável e que sempre amei você!
Não sei meu amado, aonde iremos com tamanho sentimento, à verdade é que estamos refletindo emoções em alargamento.
Tu és a minha outra metade, aceitar ou não, não mudará a realidade, apenas vai adiar o momento em que se dará o nosso amor com mais capacidade.
Sei que não há nada de errado nesta calorosa admiração. Meu propósito é fiel e sagrado, porque veio embalado, na pureza da cultura dos caminhos de coração.
Eu tudo aceito e nada venho te pedir, somente não posso ocultar esta inevitável e ponderável recordação.
Penso que com o tempo, verás com outros olhos o que se passa diante do meu interior e o que navega possante na minha memória e o que quer apenas, ser pra você acolhedor.
Pois quem sabe nós dois, temos a mesma alma, constituída de diversas histórias?
Ao amor dar-se, todas as possibilidades, somente o verdadeiro amor dissolve dúvidas e medos, revelando sobre as incertezas, verdades
Firmado a coragem, libera carinho, ternura, perdão, e respeito.
Através dele, surge a maior oportunidade, para compartilharmos sentimentos e virtudes entre novos conceitos.
Também, para correspondermos emoções, por esse amor verdadeiro, declaro-te ao mundo inteiro, meu eterno companheiro, tão considerado por minha essência e tão absoluto em minha recordação...
Então, deixe eu te sentir em minha vida, com a poesia aberta para o instante da perfeição.
Te amarei com todo o meu ser e farei desse amor a mais linda canção!
           
Fim desta, Cristina Maria O. S. S. - Akeza.

1505/2004.
Akeza
Enviado por Akeza em 18/12/2005
Reeditado em 12/03/2015
Código do texto: T87465
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Akeza
Canavieiras - Bahia - Brasil, 55 anos
2367 textos (403182 leituras)
59 áudios (108005 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 09:57)
Akeza